Versão em Português English version Versión en español

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Notícias

22/03/2019

A  A.P.  Moller  Maersk  lançou quarta  (20) a  Maersk,  um  novo  fornecedor integrado de logística de ponta a ponta que oferece pela primeira vez transporte e  serviços de mercadorias em contêineres por terra e mar para clientes brasileiros, argentinos e uruguaios.

O lançamento da Maersk é resultado da fusão da Maersk Line com o negócio de gerenciamento de cadeia de suprimentos, anunciado em setembro passado, e faz parte da estratégia de três partes da “empresa-mãe”, de transformar a maior empresa de transporte de contêineres em integradora  de  logística  global,  combinando  ativos  pesados  com  inteligência  da  cadeia  de suprimentos e serviços digitais.

A Maersk agora oferece um conjunto  completo de soluções, gerenciamento e serviços da cadeia de  suprimentos,  incluindo  despachos  alfandegários,  rastreamento  de  mercadorias, gerenciamento de estoques e manuseio de terminais, além de uma rede de caminhões, ferrovias e navios para movimentar mercadorias em contêineres no mundo todo.

Como  parte  disso,  a  Maersk  está  olhando  para  estratégias  orgânicas,  bem  como  potenciais oportunidades de parceria, investimento ou aquisição para construir sua rede de ponta a ponta, totalmente integrada de terra a mar em toda a região da Costa Leste da América do Sul.

“Não  somos  mais  apenas  uma  linha  de  transporte,  reformulamos  completamente  a  nossa empresa e desenvolvemos uma rede integrada de caminhões, ferrovias, terminais e navios”, afirma  Antonio  Dominguez,  Diretor  Executivo  da  Maersk  East  Coast  South  America.  “Nosso objetivo é continuar construindo essa rede no Brasil, na Argentina e no Uruguai para fornecer soluções personalizadas aos clientes. O anúncio de hoje faz parte de uma estratégia  que agora completa  dois anos, mas o timing de tudo é perfeito,  uma vez que  a greve dos caminhoneiros paralisou o transporte em todo o Brasil no ano passado, e desde então, levou muitas empresas a procurar por uma empresa que integrasse todas as soluções”, acrescenta.

De  fato,  a Maersk marcou  sua visão  de  se  tornar  uma  integradora  global  em  2017  antes  de anunciar  a  aquisição  da  Hamburg  Süd  no  final  do  mesmo  ano  por  3,7  bilhões  de  euros, consolidando  a  posição  da  Maersk  como  a  principal  transportadora  no  Brasil  e  no  resto  do mundo. A Maersk fez vários investimentos e desinvestimentos no Brasil, de navios a portos, excedendo US$ 4 bilhões desde 2008. Esse número exclui a aquisição da Hamburg Süd.

“Estamos em uma posição forte com uma vantagem competitiva que combina operações de ativos  com  recursos  locais  e  globais  para  fornecer  soluções  de  ponta  a  ponta  e  explorar mercados que cobrem toda a jornada do produtor ao consumidor”, afirma Gustavo Paschoa, Diretor Comercial da Maersk Costa Leste da América do Sul. “Temos equipes especializadas em todas as áreas de gestão da cadeia de suprimentos. Então, por exemplo, se um cliente quer apenas o serviço de despachante aduaneiro, nós temos uma equipe dedicada para isso. Porém, se um cliente quer que a gente cuide de todo  o planejamento logístico e necessidades de sua empresa, bem como gerenciar suas finanças comerciais, temos uma equipe para isso também”, acrescenta.

A Maersk estima que o mercado anual de logística global envolvendo transporte de contêineres, logística  de  contratos,  agenciamento  de  carga  tradicional  e  gerenciamento  da  cadeia  de suprimentos valem uma receita anual de USD615 bilhões.

Fonte: Portos e Navios

Home | Institutional | Services | Clients | News | Location | Contact

2010 All rights reserved - © 2010

RGB Comunicação - Agência de Internet e Produtora de Vídeo